13 outubro 2005

"Xôu um xupêiói!"

Lá vem ele, a correr casa fora, na minha direcção: "Mãin, mãin!... Pões as minhas huvas!?". As tuas luvas? Eu não sei onde estão Afonso!" "Estão aqui. Pões mãin?" "Ó Afonso, mas está calor, para que é que tu queres as luvas?" Resposta pronta: "Pa xê um xupêiói!" Lá pomos então as luvas (daquelas de lã) cada dedinho no respectivo buraquinho. E é vê-lo, de cara séria, muito compenetrado no seu papel de super-herói a correr de um lado para o outro, e a dizer (com o ar mais convicto do mundo): "Xôu um xupêiói!"

2 Comentários:

Anonymous Anónimo disse...

Este Ponshita é tão querido. Já no outro dia em casa da mãe (aka, Vó Tália) me obrigou a ver Os Incríveis. E os gritos que ele dava?! E as voltas, com os braços esticados, qual Karaté Kid? Incrível!

13 outubro, 2005 13:03  
Blogger jony o reis disse...

aiai este afonso e grande peste la com as suas super luvas..
yaooooo....
joao reis e tia zali

13 outubro, 2005 13:43  

Publicar um comentário

Subscrever Enviar feedback [Atom]

<< Página inicial