19 abril 2006

Ikea

No Sábado, fomos Ikea. E ele lá descobriu esta cobra de peluche, pela qual se apaixonou. Lá se agrafou a um exemplar e não a largava nem por nada. "Não Afonso, não pode ser!" "Poquê mãin? Mas eu quero!" "Pois mas hoje não a podemos levar. É muito caro, fica para outro dia que cá voltemos." Depois lá nos lembrámos de o deixar no espaço Smalland (área para as crianças) e lá ficou a cobra de lado, "Porque não podes entrar com ela." Adorou ficar lá. Fartou-se de correr e brincar, e "mergulhar" na piscina de bolas. Quando lá chegámos, cerca de 1/2 hora mais tarde estava todo encarnado, completamente suado e muito feliz. Mas, claro que a cobra ficou gravada. Portanto, mais cedo ou mais tarde, lá virá para o seu quartito.

2 Comentários:

Anonymous Anónimo disse...

Eh, eh. Não percebi, chegou a trazer a cobra ou não? :-)

20 abril, 2006 12:43  
Blogger Estêla-mágica disse...

Só para esclarecer: No final de Abril lá fomos buscar a cobra. Já dorme com ela desde então.

26 maio, 2006 14:16  

Publicar um comentário

Subscrever Enviar feedback [Atom]

<< Página inicial